Mais ainda.

janeiro 3, 2011 às 5:19 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Pizza Pestista no Forno !!! Casa Civil prorroga por 30 dias investigação sobre caso Erenice.

BICUDO: O Lula prometeu para a prefeita (de São Paulo) Marta Suplicy
que, para eu não disputar novamente a vice-prefeitura (em 2004),
reservaria um alto cargo para mim, provavelmente fora do país. Um dia,
recebo um telefonema do chefe de gabinete do (ministro das Relações
Exteriores Celso) Amorim, o (Antonio de Aguiar…

Quem sabe o senhor gostaria de
exercer o cargo de conselheiro da Unesco?”. Eu: “não sei o que faz
um conselheiro da Unesco”. Ele: “É ótimo porque o senhor irá a
Paris três vezes por ano, por conta do governo. São 15 dias cada vez”. É
brincadeira, você pode oferecer isso para o 2o time, não para mim.

Hélio Bicudo é o fundador do PT.

Fundador do PT e tantos outros deixaram de ser petistas pelo nojo q o pt se tornou. Pense nisso antes de anular seu voto. Democracia sempre! Toda ditadura é ruim. Socialismo é a DITADURA do proletariado.

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/site-petista-dilmista-propoe-luta-contra-a-igreja-catolica-como-chavez-fez-na-venezuela/?utm_source=twitterfeed&utm_medium=facebook&utm_campaign=Feed%3A+ReinaldoAzevedo+%28Reinaldo+Azevedo%29&utm_content=FaceBook

É… esculachou a Marina faltando 3 dias para o 1o turno, agora isso… Céus

Votar na Dilma é fazer o Brasil ser governado por TERRORISTAS que disseminam o ODIO nas relacoes humanas. O país já sofreu muito com uma ditadura, não precisamos de outra. Brasil+PT=Venezuela de Chávez. Vote na democracia, contra o totalitarismo do PT. Vote Serra.

http://www.youtube.com/watch?v=HSdvn-6yhNI&feature=youtube_gdata_player

http://180graus.com/politica/bolsa-familia-faz-92-de-uma-cidade-do-piaui-votar-em-dilma-367355.html

Sinal que o Bolsa Familia funciona neh? Nao eh justo comparar com as cestas basicas que neguim distribuia soh em epoca de de eleicao. Nao tem nada a ver. Olha, parabens pela sua persistencia na campanha pro Serra. Eu nao concordo muito com a sua linha de pensamento mas tenho que reconhecer que vc eh implacavel.

Haha Dudu. Cara, sabe o q eu falo p mta gnt? A questão p mim não é gostar do Serra ou da Marina. É que acho q a Dilma é e representa tudo de podre e pior q o Brasil tem. Mas, mais do q isso, qdo eu li o PNDH-3 (li mtos trechos do texto orig…inal) fiquei horrorizada. Vi q realmente há mtas iniciativas totalitárias e anti-democráticas e p mim n há bom populismo q valha uma ditadura. Acho regimes totalitários o pior que há, por isso é mto fácil p mim votar no Serra ou em qq outro candidato que não seja a Dilma. Sobre o Bolsa-Família discordo que funcione. Acho que ele foi e é MUITO importante para tirar as pessoas da linha da miséria. Mas ele não funcionará de nada para a construção de uma sociedade brasileira de valores que eu compartilho (cidadania, civilidade, valorização do trabalho, cumprimento de papel social), se não tiver uma saída. O Bolsa-Família é um ciclo sem saída. Ele deveria dar uma “energia de ativação” inicial, para as pessoas poderem atender às suas necessidades básicas, e depois não precisarem mais da bolsa.
Mas os índices de ex-beneficiários é ínfimo, ou seja todos continuam recebendo, pq preferem receber o benefício a trabalhar. Há mulheres que declaram que têm mais filhos para ganharem o vale-amamentação/gravidez (1.500), ou seja, está tudo invertido.
Vou postar na wall o que finaliza meu raciocínio sobre o Bolsa-Família.

Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem do Ceará
(Sinditêxtil-CE) em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem
Industrial (Senai-CE) e o Governo do Estado ofereceu curso rápido
para 500 mulheres. Treinamento básico de 120 h/aula em costura
industrial. Garantia contratação imediata com carteiras assinadas. …
Nenhuma aluna aceitou para não perder ajuda monetária do Governo
Federal.

Jornal impresso do DIARIO do NORDESTE, em 06/06/2010, de Fortaleza,
Ceará Online, Notícia com dados abaixo: “Falta Costureira Insdustrial –
Mão-de-Obra emperra setor têxtil no Ceará”

Repórter da matéria do Diário: Samira de Castro

Fonte da matéria no Diário: Sylvio Tobias Napoli Junior, gerente de
tecnologia da Associação Brasileira da Indústria Têxtil (ABIT)

A condição para fazerem o curso gratuito é que as participantes fossem beneficiárias do Bolsa-Família. 500 mulheres fizeram e as 500 receberam oferta de trabalharem com carteira-assinada. Nenhuma aceitou o emprego para não perder o benefíci…o. Bolsa-Família é bom para tirar da linha da miséria, mas o planejamento é assistencialismo que ocorre há anos com quase nenhum ex-beneficiário. Quem vai procurar emprego assim? Fora do Brasil, os auxílios-desemprego e para baixa renda têm contrapartidas obrigatórias (além de manter os filhos nas escolas, que, diga-se de passagem não reprovam), como o cadastro em bancos de desempregados à procura de emprego, procura de cursos profissionalizantes etc. Lá, essas beneficiárias estariam numa “lista negra” para perder o benefício. Qual será a verdadeira intenção do governo com o Bolsa-Família? Melhorar o país e a sociedade? Ou ter 84% de aprovação?

Mas aí a culpa é do governo ou da vagabundagem inata destas pessoas? (Pergunta do LEo)

Da vagabundagem. O papel do governo é dar condições mínimas para as pessoas sobreviverem (bolsas) mas fazer com que elas deixem de depender da bolsa (fazendo-as trabalhar, condicionando o benefício a cursos profissionalizantes, busca de emprego, enfim fazendo o “desmame”).

Mas como vagabundo gosta de mamar nas tetas do governo e tetas mamadas dão votos, as coisas ficam como estão.

Texto EXCELENTE! Obrigada Paula Garrido.
http://www.defesadademocracia.com.br/2010/10/22/carta-aberta-de-fernando-henrique-cardoso-a-lula-pt/

Divulgando essa baixaria só pq ouvi dizer q tem gnt q vai deixar de votar no Serra por causa do episódio bolinha de papel (que não foi bolinha de papel, by the way, a foto da bolinha era de outro momento). Para mim nada disso importa, os pormenores que vêm sendo discutidos, o que importam são os valores e o regime polí…tico (Estado DEMOCRÁTICO de Direito) sob os quais construiremos o país.

See More

http://www.youtube.com/watch?v=ZxruR3Q-c7E

“Confirmado
mais uma vez o que todos sabemos. Dilma e’ um figura das ditaduras.
Gente como ela tem que ser jogada nas lixeiras da historia. Nao se
constroi uma democracia com saudosistas de ideologias-mortas.”

http://www.dilmaporquenaovotar.com.br/

Brasil pega empréstimo para
pagar Bolsa-famí­lia
Vejam isso.
O governo Lula, que
alega ter pago e emprestado dinheiro ao FMI, está pegando dinheiro
… emprestado no banco Mundial para pagar essa “dentadura” (antigamente os
políticos trocavam votos por dentadura, hoje estão mais sofisticados)
que sustenta os altos e discutí­veis índices de
popularidade do presidente. São R$ 343,8 Milhões para pagar em 30 anos.
Mas não é o primeiro empréstimo. De 2004 a 2009 o Banco Mundial
emprestou dinheiro para o Bolsa famí­lia através do projeto Project
ID: P087713 (veja em http://web.worldbank.org/external/projects/main?pagePK=64283627&piPK=73230&theSitePK=40941&menuPK=228424&Projectid=P087713 Se
não entendi errado foram US$ 572 Milhões. Mas “peraí­”, se estamos
tão bem econômica e financeiramente, para que empréstimo?
http://noticias.r7.com/economia/noticias/brasil-consegue-emprestimo-internacional-de-r-343-8-milhoes-para-o-bolsa-familia-20100917.html Gente,
como
eles mentem. Lula Usa o Bolsa
Famí­lia para comprar votos, mas a conta vai para os futuros
Presidentes pagarem nos próximos 30 anos. Clique nos
links confira você mesmo. Eles dizem uma
coisa e fazem outra. “Todo
aquele que é Detentor do Poder é levado a abusar dele, até que lhe
oponham limites” (Montesquieu, Sec.
XVIII)
PESQUISE A DIVIDA INTERNA
QUE PASSA EM MUITO DE R$ 1.000.000.000.000,00! SIM, MAIS UM TRILHÃO. POR
ISSO, O DESESPERO

See More

A relação de Dilma com a web, de fato, é errática. Há poucos dias,
veio a público um texto publicado pelo site Blog da Dilma – que, a
despeito do título aparentemente oficial, só mantém laços, digamos,
emocionais com a candidata, segundo rezam os mantenedores do endereço. O
texto dizia o seguinte: “Zé Pedágio pensa que… os nordestinos são bestas
como os paulistas”. A ofensa ao povo de São Paulo foi originalmente
publicada em 13 de fevereiro e, desde então, circula livremente pela
web. Foi retirada do ar quando a mancada ficou evidente, e Dilma se deu
conta de que pode até concordar com a ofensa, mas precisa dos votos dos
eleitores de São Paulo. Logo após o primeiro turno, a vítima da vez foi
Marina Silva. Assim que a verde indicou que se manteria neutra na
disputa presidencial, foi chamada no site de “traíra”.
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/isto-esta-publicado-no-blog-da-dilma/

See More

No centro de Campinas (SP), comício da Coligação
“Para o Brasil Seguir Mudando”, que contou com a presença do presidente
Lula, da candidata à Presidência, Dilma Rousseff, Lula falando sobre a capitalização da Petrobrás “Tudo porque eu sou socialista”.

http://www.youtube.com/watch?v=TdjN9Lk67Io&feature=player_embedded

Sabatina, Jornal da Folha: Como é que a senhora se define politicamente? A senhora é socialista? “Eu sou”. Apesar de aspectos mto bacanas do socialismo, a doutrina se fundamenta na implementação da DITADURA do proletariado a custo… de uma violência inevitável (Marx). DITADURA NÃO. VIOLÊNCIA NÃO. DILMA NÃO. Vídeo abaix…o tem título de aborto, mas mostra o diálogo transcrito acima.

http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2010/10/27/carta-candidata-dilma-335820.asp

Postado por eleitores que votam nulo.

Leu o texto no blog? Ela disse que votaria no Serra e aí qdo a galera do Blog postou isso ela ficou p da vida de usarem a favor dele. Deu ação juducial, vários rolos. No blog tem a historinha. Claro q eles apelaram usando-a para propaganda e eu colocando isso aqui tb, mas o fato é q ela realmente falou aquilo e isso, acho importante o eleitor da Marina saber sim.

http://karapintadas.wordpress.com/2010/10/30/

Se Heloísa Helena, uma das fundadoras do PT é contra a candidatura da DilmaSe Hélio Bicudo, jurista e fundador do PT é contra a candidata Dilma…Se Marina Silva, ícone no PT, saiu e foi para o PV junto com muitos petistasSe Paulo Brossard, grande jurista e ex-ministro do Supremo pede para não votar em Dilma e voto em Serra.

Para quem votou Serra, Marina, Dilma ou que anulou: ***Olho vivo***
O melhor da panfletagem virtual e das discussões políticas na rede, na minha opinião, foi que ajudaram um pouco a tirar pessoas da inércia, levando-as à reflexão. Pensamos muito no que os candidatos podiam fazer por nós. Mas e o que nós podemos fazer pe…lo Brasil? Ler muito, ter saco para política, e senso crítico diante dos fatos é um belo começo.

Possíveis ministros no governo Dilma: Aloizio Mercadante e Gilberto Carvalho. Vídeo do 1o mentindo descaradamente. Gilberto Carvalho, bom, esse é o que foi acusado, assim como Dilma de encomendar dossiês.

http://www.youtube.com/watch?v=Ip19IeZ2Oe8

http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/11/01/dilma-ja-comeca-m…ontar-sua-equipe-nos-bastidores-nomes-como-paulo-bernardo-palocci-cardozo-pimentel-sao-apontados-como-possiveis-ministros-922919507.asp

http://noticiasdatvbrasil.wordpress.com/2010/10/23/revista-veja-dilma-rousseff-e-gilberto-carvalho-pediam-dossies-reclama-secretario-de-justica/

http://www.imil.org.br/artigos/o-artifice-da-censura/

http://mashable.com/2010/11/01/future-social-media-politics/

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/pronto-comecou-mst-comemora-vitoria-de-dilma-quebrando-a-cabeca-de-um-adversario/

 

Texto lindo!

janeiro 3, 2011 às 5:04 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

http://oglobo.globo.com/opiniao/mat/2010/10/18/outra-opiniao-beneficios-duvidosos-922816837.asp

janeiro 3, 2011 às 5:03 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/09/12/antes-do-lobby-filho-de-erenice-trabalhou-na-anac-irmao-da-ministra-tambem-foi-da-infraero-917614124.asp

http://oglobo.globo.com/rio/mat/2010/09/17/justica-afasta-cupula-da-prf-no-rio-por-suspeita-de-corrupcao-determina-prisao-preventiva-de-candidato-deputado-917655166.asp

http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1338838-7823-CARTA+DE+ERENICE+E+PRECIOSA+PARA+ANALISARMOS+A+IDEOLOGIA+DOMINANTE,00.html

A palestra de Dirceu nessa 2a a petroleiros da BA mostra como o deputado cassado, réu, pontifica em nome do PT,
cujo “projeto político”, disse, poderá ser executado com a chegada da
companheira em armas Dilma ao Planalto. É parte do projeto
controlar a imprensa independente e profissional, meta da legenda desde a
chega…

Como disse o líder petista aos
petroleiros, há no Brasil um “abuso no poder de informar”(!!). A frase
poderia ser de um daqueles censores da Polícia Federal nos anos 70.
Gente isso é muito grave. Ainda dá tempo de mudar. Peçam a todos que não votem na Dilma! Façamos nossa parte!

http://oglobo.globo.com/opiniao/mat/2010/09/16/um-projeto-autoritario-em-marcha-917650872.asp

“É lamentável e preocupante que o Presidente da República se aproxime do
final de seu segundo mandato manifestando desconhecimento em relação ao
papel da imprensa nas sociedades democráticas. Mais uma vez,
provavelmente levado pelo calor de um comício, o presidente Lula afirmou
neste sábado, em Campinas, que “vamos der…

http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/09/19/anj-reage-ataque-do-presidente-lula-imprensa-918363719.asp

Alguém ainda duvida que o Lula, a Dilma e o PT são anti-democráticos???
Vote na democracia, vote contra a Dilma.
“vamos derrotar alguns jo…rnais e revistas que se comportam como partido político”
Gente o q é isso??!?!!? É o Hugo Chávez

brincosdilmaerenice

Temos poucos dias para conversar com pessoas sobre a gravidade dos fatos. Lula quer derrotar jornais e revistas! = ditadura. Peçam voto contra Dilma A TODOS CONHECIDOS, para o Brasil não virar Venezuela! “Dilma, nós não vamos derrotar apenas os blocos adversários
tucanos, nós vamos derrotar alguns jornais e revistas (….

http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/09/22/manifesto-em-defesa-da-democracia-da-liberdade-de-imprensa-lancado-em-sao-paulo-921049321.asp

Lula, o dono do Brasil indicado ao Oscar. Pago os meus impostos para financiar essa ditadura. Nojo.

Isso é ditadura. Que nojo! Na Alemanha faziam isso, só passavam filmes no cinema que enalteciam Hitler.

Então… O Lindberg (uma gravação) já ligou aqui p casa 5x dizendo q o lula tem uma msg p mim. Onde eu denuncio essa merda????

Agora sim! É hoje!!! Votar na Dilma=votar na censura, no fim da liberdade de expresssao e imprensa, num regime totalitário, que não respeita princípios democráticos. Para quem pensa em votar na monstra, ler o PNDH3 q ela assinou !!

Se a bandida terrorista do VAR-Palmares que assaltou a casa do governador, participou de operações que tiveram assassinatos, dentre muitos outros for eleita, a ÚNICA FORMA de impedir aprovação de leis e medidas anti-democráticas como o controle da mídia é através do Senado. Tanto é que o LuLLa disse que prefere ter mai…

Lembre-se a CPMF, o HORROR DO PNDH3 (MAIS DURO GOLPE CONTRA A DEMOCRACIA DESDE A DITADURA MILITAR) QUE A DILMA ASSINOU APROVEITANDO A AUSÊNCIA DO LULLA, dentre muitos
outros horrores só não foram para frente pq o Senado impediu (maioria de
votos). Por isso, votar em Marcelo Cerqueira e Cesar Maia. Votar Piciani, Lindbe…

http://www.bbc.co.uk/news/world-latin-america-11465127

Renan Calheiros, Sarney, Collor, Faltou Dirceu, Erenice Guerra…

Em suma: vote na Dilma pelo retorno da CSS e da CPMF!
Lembrem-se, o desejo de
Lula aconteceu: 40 aliados contra 14 da oposição no Senado. QUALQUER
PROPOSTA vai passar com a maioria dos votos… Agora não temos mais oposição para conseguir votar contra a CPMF (sim os “malvados” do PSDB e DEM que votaram contra, LuLLinha …

Gnt q isso? “Outro dia coloquei aqui um filminho com trechos das hesitações da
Dilma num dos debates. Era, como ficava claro, um filme editado, só com
os piores momentos. Muita gente ficou irritada com o que chamaram de
“manipulação”.
Pois agora, aproveitando a efeméride faustosa de que todos os

A Confecom contou com a participação do governo e da sociedade civil. As
principais entidades representativas das empresas de mídia no Brasil
não participaram por considerar que muitas das teses defendidas pelas
entidades sociais, em maioria no evento, eram restritivas à liberdade de
expressão e de livre associação emp…

http://www1.folha.uol.com.br/poder/810584-franklin-martins-vai-a-europa-tratar-de-regulacao-da-midia.shtml

http://oglobo.globo.com/rio/mat/2010/10/06/corregedoria-da-policia-civil-indicia-por-tentativa-de-homicidio-policiais-que-atiraram-em-juiz-durante-blitz-922724972.asp

A verdadeira face de Dilma no espelho!!! http://www.youtube.com/watch?v=mA6gTVo40fQ

Para quem votou na Marina: Como os petistas tratavam Marina Silva 3 dias antes da eleiçãoNo dia 30 de setembro, 3 dias antes da eleição, acreditando no que diziam os institutos Ibope, Vox Populi e Sensus, os petistas estavam certos da vitória de Dilma Rousseff no primeiro turno. Então já era hora de esculhambar Marina Silva.

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/como-os-petistas-tratavam-marina-silva-tres-dias-antes-da-eleicao/

É vexaminoso para a história do 11 de Agosto, o Centro Acadêmico da Faculdade de Direito da USP, o relato de Bicudo. Ele foi impedido de ler o manifesto SUPRAPARTIDÁRIO nas dependências da faculdade. Não emprestaram nem um mísero aparelho de som! Nada!Na… sexta-feira passada, professores petistas da São Francisco, acompanhados de Marilena Chaui,

a primeira-professora-dama do partido na universidade, cederam a Sala dos Estudantes para um ato em apoio à candidatura de Dilma Rousseff, o que é ilegal, expressamente vedado pela Lei Eleitoral.Assim se faz a democracia deles numa faculdade de direito: aos amigos, tudo — menos a lei; aos inimigos, nada — nem a lei.Essa mancha vai ficar. Já ficou.

Dilma precisa é ler a pesquisa Datafolha, explicar Erenice e respeitar os cristãos! Não pode ir à missa por causa de eleição!

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/eis-os-sentimentos-e-as-pessoas-que-%E2%80%9Celes%E2%80%9C-mobilizam/

“Respeito, Cara! Vc vai pagar caro quando a Dilma tomar posse. Nós, do
PT, não vamos mais aceitar essa propaganda barata contra nós. Certo
mesmo quem tá é Hugo Chaves, que calou os porcos. E, aqui também,

Ela fala qq coisa que for fazer perder menos votos. Não assume sua postura e real convicção. Que feio…http://www.youtube.com/watch?v=m2gF7R7tFIs

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/manifesto-com-mais-de-80100-assinaturas-ou-de-amigos-e-inimigos/

Se o Dirceu ( Ministro da Casa Civil, o “Dilma” até o escândalo do Waldomiro) não tivesse caído, ele seria o sucessor do MuLLA. Era o braço direito dele. Erenice era o braço direito da Dilma. E ninguém sabia de nada. Â-ham.
http://veja.abril.com.br/idade/exclusivo/crise_lula/homens_lula.html

Dirceu, presidente do PT de 1995 a 2002, responsável pelas candidaturas de LuLLA à presidência, considerado “primeiro-ministro”com plenos poderes, chamado de capitão do time pelo presidente. Caiu por ter sido denunciado como o coordenador do MENSALÃO. Foi cassado em 2005, o PROCURADOR GERAL DA REPÚBLICA definiu-o como ..

A pedido de Lula, Dirceu tenta conquistar PMDB para Dilma – versaoimpressa – Estadao.com.br
www.estadao.com.br

“Nossa liberdade depende da liberdade de imprensa, e ela não pode ser limitada sem ser perdida”. Thomas Jefferson

Entendo muitas coisas nessas discussões políticas, mas acho que a única que não entendo é amigos cientistas votarem numa candidata que falsificou o próprio lattes dizendo que era mestre e doutora (colocou que era concluído) qdo não é nenhum dos 2!

‎”quem espera que o diabo ande pelo mundo com chifres será sua presa” Schopenhauer

 

 

 

 

O dinheiro do seu imposto está financiando a campanha da Bruxa!!!! Você concorda com isso??? Então vote CONTRA!

janeiro 3, 2011 às 4:48 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

04/09/2010

às 7:17

CHEGOU A HORA DE A CAMPANHA DA OPOSIÇÃO ENTRAR NO “MODO DA RESISTÊNCIA INSTITUCIONAL”. É PRECISO CHAMAR LULA ÀS FALAS!

A gravidade das violações de sigilo na Receita Federal subiu estupidamente de patamar depois da fala de ontem de Lula, no Rio Grande do Sul. Ela pede uma reação enérgica da oposição — e não cabe nem mesmo o cálculo se uma resposta à altura dá ou tira votos. Estou convencido, sem prejuízo de o tucano José Serra continuar a apresentar suas propostas, de que a campanha da oposição entra no que eu chamaria “Modo de Resistência Institucional”. Ontem, Lula usou a sua popularidade para pedir carta branca à sociedade para fazer o que bem entende. É preciso dizer com todas as letras: ONTEM, LULA REIVINDICOU O DIREITO DE DAR UM GOLPE DE ESTADO, tendo, circunstancialmente, as urnas como arma.

Se alguma dúvida havia sobre o compromisso de Lula com a democracia, ela se desfez ontem. Não tem compromisso nenhum! Está evidenciado que ele a usa como arma tática e que a escalada petista supõe a desconstrução do estado de direito conforme nós o conhecemos. É a Constituição da República Federativa do Brasil que está sendo fraudada com as invasões de sigilo. Um órgão do Estado, a Receita Federal, converteu-se, como tem deixado claro o notável trabalho de reportagem do Estadão, em instrumento de luta de um partido político. E tudo caminha para que mais esse crime reste impune.

Sim, agora é preciso entrar no MODO DE RESISTÊNCIA INSTITUCIONAL. E o próprio presidente Lula — pouco importa se sua popularidade atingiu 8795%, segundo a última medição Vox Diaboli — tem de ser chamado às falas. Ele passou de todos os limites. Ontem, comentando a questão da invasão de sigilos — e ele estava numa solenidade em que falava como presidente! — afirmou que “Serra precisa saber que eleição a gente ganha convencendo os eleitores a votar na gente, não tentando convencer a Justiça Eleitoral a impugnar a adversária”. Para Lula, “isso já aconteceu em outros tempos, na ditadura militar.” E recomendou: “Na democracia, o senhor Serra que vá para rua, que melhore a qualidade de seu programa [de TV]“. Lula classificou ainda o episódio — a violação da Constituição — de “futrica menor”.

O sr. Lula precisa saber que, na democracia, “a gente convence o eleitor a votar na gente” segundo regras — todas aquelas que o PT tem desrespeitado sistematicamente. Na democracia, a gente “vai para a rua” não para pisotear as leis, mas para pedir a sua efetiva aplicação. Método típico de uma ditadura é fraudar o sigilo fiscal e bancário de adversários. Método típico de uma ditadura é organizar bunkers de bandidos para produzir dossiês. Método típico de uma ditadura é querer criar constrangimentos morais para que as pessoas exerçam o direito, também ele constitucional, de recorrer à Justiça. Método típico de ditadura é considerar a violação da Constituição mera “futrica”.

Toda essa baixeza merece uma resposta à altura das instituições que ela fere. Não estou entre aqueles, mesmo!, que consideram que a eleição já está decidida e coisa e tal. Já disse os motivos e não vou repisá-los. Mas acho que essa questão, agora, ficou menor. Outro valor mais alto se alevanta. Se o custo de a oposição dizer o que tem de ser dito — QUE O PRESIDENTE LULA, NA PRÁTICA, PROTEGE CRIMINOSOS AO DAR DECLARAÇÕES COMO A DE ONTEM — for perder votos, que assim seja. Com quantos a democracia e o estado de direito, VIVIDOS NA PRÁTICA, podem contar? Pois que a causa siga com estes bons. Bento 16 afirmou certa feita, não com estas palavras, mas o sentido era este, que a Igreja se fortalece recuperando a dimensão de sua fé, não condescendendo com valores que lhe são estranhos; a sua permanência está nos valores de sua doutrina, ainda que isso lhe custe perder os fiéis… infiéis. Exato!

As lideranças do país que deploram a contínua violação da Constituição, das leis e do decoro têm apenas um caminho: voltar ao livro-texto da democracia e do estado de direito e repudiar, sem meias-palavras, o discurso irresponsável de Lula. Sua popularidade não lhe dá o direito de jogar a Carta que nos rege — ou deveria nos reger — no lixo. O regime democrático não se define apenas pela realização das eleições. Elas são um dos instrumentos do exercício da soberania popular. O sufrágio universal não elege ditadores, mas procuradores do estado de direito.

Indignidade
A reação tem de ser dura, severa, clara. E saiba a oposição: enfrentará, à diferença de outros tempos, a maledicência até de setores da própria imprensa, que passaram a chamar a Justiça de “tapetão”, em mais um claro sintoma da degradação de valores que está em curso. Trata-se de uma óbvia indignidade. A maioria que o PT teria hoje nas urnas, segundo esse raciocínio, permitiria, então, a esses majoritários fraudar as próprias leis que legitimam o pleito que disputam. As instituições existem justamente para que os homens se sucedam no poder sem que as balizas que nos orientam sejam derrubadas. Esse já foi um dia um norte da imprensa brasileira, quase sem exceções. Hoje, os áulicos e candidatos a tanto contaminam o ambiente com sua tese da maximização da vontade popular: se o governante tem a maioria, então faz o que bem entende — e isso inclui esmagar a minoria. Ora, tão importante na democracia quanto o governo da maioria é o respeito à minoria que lhe dá legitimidade. Mas será mesmo isso o que quer o PT?

Hora de perceber a gravidade da questão e de ter uma reação correspondente — nem que seja, reitero, para mobilizar os poucos e bons. Assim me expresso apenas para encarecer o momento já que, de fato, são milhões os brasileiros que não estão dispostos a ceder a Lula e ao PT os seus direitos constitucionais. Fossem apenas os 300 de Esparta, então se deveria lutar com eles. Mas há muito mais gente do que isso pronta para resistir.

CHEGOU A HORA DE A CAMPANHA DA OPOSIÇÃO ENTRAR NO “MODO DA RESISTÊNCIA INSTITUCIONAL”. É PRECISO CHAMAR LULA ÀS FALAS. TALVEZ ISSO CUSTE AINDA MAIS VOTOS. PARA O VALOR QUE SE QUER E QUE SE TEM DE PRESERVAR, ELES NÃO FAZEM FALTA.

Perder a eleição é do jogo. Não dá é para perder a vergonha!

Por Reinaldo Azevedo

Ontem,
Lula usou a sua popularidade para pedir carta branca à sociedade para
fazer o que bem entende. É preciso dizer com todas as letras: ONTEM,
LULA REIVINDICOU O DIREITO DE DAR UM GOLPE DE ESTADO, tendo,
circunstancialmente, as urnas como arma.

Não tem compromisso nenhum! Está evidenciado que ele a
usa como arma tática e que a escalada petista supõe a desconstrução do
estado de direito conforme nós o conhecemos. É a Constituição da
República Federativa do Brasil que está sendo fraudada com as invasões
de sigilo.

http://www.youtube.com/watch?v=IViQi2Cgt_M&feature=related para quem não quer ver tudo, ver a partir de 2’30”. O que o Serra diz que são mentiras descaradas, comprovou-se depois da entrevista (a quebra do sigilo via procuração falsa).

Curioso… Vídeo fora do ar…

Manchete da Folha de SP: Consumidor de luz pagou 1 bilhão de reais por falha de Dilma quando era ministra.

A gravidade das violações de sigilo
na Receita Federal subiu estupidamente de patamar depois da fala de
ontem de Lula, no RS. Ela pede reação enérgica da
oposição. Ontem,
Lula usou a sua popularidade para pedir carta branca à sociedade para

O aparelhamento ideológico e
sindical do estado brasileiro torna muito maior a possibilidade de
ocorrerem quebras de sigilo e outros atropelamentos das regras de
conduta do funcionalismo feitos em nome da causa. Massa crítica para
isso não falta. Maria Celina revela em seu livro que os integrantes das

são majoritariamente filiados a sindicatos. Entre os
funcionários públicos federais mais bem pagos, a pesquisadora encontrou
45% de ativistas sindicais e, entre eles, 82% de filiados ao PT. Os
jornalistas de VEJA mostram na reportagem exemplos aterradores de um
setor público capturado por interesses corporativos e part…idários.

Contador que usou procuração falsa para obter dados da filha de Serra na Receita continua filiado ao PT

Sigilo fiscal

Contador que usou procuração falsa para obter dados da filha de Serra na Receita continua filiado ao PT

Publicada em 06/09/2010 às 19h58m

Germano Oliveira O contador Antonio Carlos Atella continua filiado ao PT - Reprodução de TV

SÃO PAULO – O contador Antonio Carlos Atella Ferreira, que usou uma procuração falsa em nome de Verônica Serra para obter ilegalmente seus dados fiscais na Receita Federal de Mauá , no ABC paulista, continua formalmente filiado ao PT. No dia 20 de outubro de 2003, o Diretório do PT de Mauá oficializou à Justiça Eleitoral a filiação ao partido de Atella. Depois disso, o contador mudou o domicílio eleitoral de Mauá para Ribeirão Pires, cidade vizinha e que também faz parte do ABC paulista. Como Atella passou a votar em Ribeirão Pires, o TRE verificou no dia 21 de novembro de 2009 que havia divergências de informações em relação ao domicilio eleitoral e “excluiu” o nome de Atella como eleitor filiado, o que não significa que ele tenha deixado de ser filiado ao PT. (Veja documento da justiça eleitoral que comprova filiação do contador)

” O PT nunca informou à Justiça Eleitoral que Antonio Carlos Atella Ferreira estava desfiliado “


– O PT nunca informou à Justiça Eleitoral que Antonio Carlos Atella Ferreira estava desfiliado. Então, pode ser que ele continue filiado ao PT, já que a sua desfiliação teria que ter sido comunicada ao TRE, o que não aconteceu até agora. O nome dele só foi ´excluído´por divergências em seu domicílio e não porque o partido o tenha desfiliado. Mas essa informação, de que se ele ainda é ou não filiado compete ao PT dizer – esclareceu um assessor do TRE nesta segunda-feira.

(Leia também: Suspeita de mais de 2 mil cadastros acessados sem motivo em Mauá)Assim, no dia 29 de setembro de 2009, quando Atella procurou a Receita Federal em Mauá para obter dados fiscais de Verônica Serra, a filha do candidato a presidente José Serra usando uma procuração falsa, o contador ainda era filiado ao PT, como ainda pode ser, já que o partido jamais comunicou ao TRE sua desfiliação. (Confira a cronologia do caso)

O PT de Mauá diz que ele não era militante ativo, dizendo que Atella chegou a ser filiado com o nome de Antonio Carlos Atelka Ferreira, indicando que em função desse erro o contador nunca chegou a participar das decisões do partido. O TRE, no entanto, nega que Antonio Carlos tenha sido filiado como Atelka e que nos documentos do tribunal consta a filiação como Atella mesmo.

Em nota, o PT informou que a informação do TRE não contradiz as informações do partido sobre a filiação de Atella. “Ao contrário, corrobora nossa afirmação, de que ele nunca procurou o partido para regularizar sua situação, bem como não participou de qualquer órgão de direção partidária, nem de qualquer evento, seminário, reunião ou atividade promovida pelo Diretório, não tendo nunca cumprido quaisquer obrigações estatutárias estabelecidas para os nossos filiados, nem mesmo sequer comparecido para votar em quaisquer dos nossos processos eleitorais internos”.

Atella disse que obteve a procuração em nome de Verônica Serra de outro contador que trabalha no centro de São Paulo, Ademir Estevam Cabral, que é filiado ao PV.

Caroto Cano é filiada ao PMDBO TRE informou nesta segunda-feira que outra funcionária da Receita de Mauá, Ana Maria Rodrigues Caroto Cano, que acessou dados de Eduardo Jorge e outros três tucanos, além de dezenas de outros nomes, como o da apresentadora Ana Maria Braga, no segundo semestre do ano passado, também tem filiação partidária. Ana Maria Caroto, segundo o TRE, é filiada ao PMDB desde 9 de setembro de 1981.

Ana Maria Caroto estava na Receita de Mauá emprestada pelo Serpro, assim como sua companheira Adeilda Ferreira Leão dos Santos. Caroto e Adeilda usaram a senha de Antonia Aparecida Rodrigues dos Santos Neves Silva, que era a chefe do escritório da Receita em Mauá.

(Quem é quem no escândalo do sigilo fiscal)De 4 de agosto a 16 de novembro de 2009, as funcionárias da Receita de Mauá acessaram dezenas de nomes de pessoas ligadas ao PSDB e também de empresários, como Samuel Klein, das Casas Bahia, e Ana Maria Braga, da TV Globo.

O TRE informa, contudo, que outras três funcionárias da Receita envolvidas na quebra do sigilo dos tucanos, Antonia Aparecida Rodrigues dos Santos Neves, Adeilda Ferreira Leão dos Santos e Lucia de Fátima Leão (que vazou os dados de Verônica Serra com o uso da procuração falsa), não têm filiação partidária.

‘Lula debochou de coisa séria’, diz Serra sobre quebra de sigilos na Receita

Publicada em 06/09/2010 às 11h46m

Flavio Freire

  • R1
  • R2
  • R3
  • R4
  • R5
  • Média: 3,4

O candidato à Presidência José Serra (PSDB) em sabatina do jornal 'O Estado de S. Paulo' - Divulgação SÃO PAULO – O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, disse nesta segunda-feira, em sabatina do jornal “O Estado de S.Paulo”, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva debochou da crise envolvendo a quebra do sigilo fiscal de sua filha, quando o momento é sério. No sábado, Lula acusou o tucano de mentir e ironizou o caso, perguntando “cadê esse tal de sigilo que não apareceu até agora?” ( Confira a cronologia do caso )

– Lula debochou de coisa séria – afirmou Serra, no início da sabatina.

O candidato voltou a dizer que falou com o presidente Lula sobre sua preocupação “com ataques sistemáticos à minha filha em blogs semioficiais de apoio ao PT”. ( Leia mais: Acesso a dados de tucano foi feito por filiado ao PT )

– Os ataques ocorriam em blogs sujos que recebem apoio de uma forma ou de outra do governo. Eu nem reclamei nem pedi nada ao Lula, apenas informei – declarou.

Para o tucano, a direção da Receita faz de tudo para dificultar a elucidação do caso da quebra do sigilo de sua filha.

” A Receita tem feito uma operação abafa. Tem procurado atrapalhar a investigação “


-A Receita tem feito uma operação abafa. Tem procurado atrapalhar a investigação. A Receita termina sendo cúmplice disso que é uma sindicalização de um órgão de Estado – disse Serra, sobre o caso de violação de sigilos de tucanos.

Serra afirmou ainda não ter dúvidas que se cometeram vários crimes no caso.

-O que houve foi um crime – disse Serra, lembrando do caso dos aloprados de 2006, quando petistas tentaram comprar um dossiê contra tucanos. Segundo ele, o episódio serve para mostrar o viés antidemocrático do PT.

-O PT no fundo da alma, e até na superfície, não é democrático.

E aproveitou para atacar a candidata adversária, Dilma Rousseff (PT).

– Esse caso da Dilma é original. Ela sequer debate os temas do partido. Há um ocultamento biográfico.

Para tucano, votar em Dilma é como escolher ‘envelope fechado’

Durante a sabatina, Serra ironizou ainda a falta de conhecimento sobre a trajetória política de Dilma. Segundo ele, votar na petista é como escolher um “envelope fechado” sem saber o seu conteúdo.

” A escolha é entre algo conhecido e testado e um envelope fechado “


– A escolha é entre algo conhecido e testado e um envelope fechado. É como aqueles realejos, em que o periquito vai lá e pega um papelzinho que a gente não sabe o que tem dentro – disse Serra, durante sabatina do grupo Estado.

O tucano afirmou ainda que para muitos eleitores a candidatura petista representa a dúvida.

– Eu representou a certeza, sou conhecido sobre o que penso. Já a Dilma é a dúvida, a dúvida em tudo. Eu garanto que vocês têm certeza de quem eu sou, mas não sabem quem é a Dilma.

Ao responder sobre por que o eleitor deveria votar no PSDB já que o país estaria num quadro favorável economicamente, Serra defendeu o trabalho realizado pelo governo anterior.

– Ora, o Brasil não foi criado em 2003, e nem se encerra em 2010.

Quebra de sigilo é crime.

As investidadas totalitárias do PT só aumentando…TSE proíbe campanha de Serra de veicular apoio de Collor a Dilma

“A independência se conquista com as armas, a liberdade se conquista com a lei” (Santander em Bogotá).

O
Brasil hj é independente, mas o q se vive hj é um processo gravíssimo
em q as liberdades democráticas e pessoais estão atingidas e afetadas. Os estados autoritários, nazita, facista, o chavismo, Cuba, têm um

a renda,
situação fiscal, bancária, é (era) invadida. Se isso é invadido não
há mais nenhum tipo de privacidade. Todos os estados autoritários são
assim. O nazismo fazia isso para poder identificar raça/origem judaica
das

O que vemos hj em matéria de quebra de sigilo fiscal vai além
do interesse político, pois a quebra em si do sigilo e o tratamento dado
pelo governo a isso mostra esse autoritarismo. Além do mais, os
autores, comprovadamente SÃO militantes do PT.

Palavras do PMDB, aliado do PT, do filho do Ministro da Agricultura (atual, amigo do LulLLa)!

A (alie)NAÇÃO e o legado de Lu.LLLLa. A única chance de mudar tudo isso é votando no Serra.

http://blogs.estadao.com.br/radar-economico/2010/09/08/educacao-impede-que-pais-ganhe-poder-diz-%E2%80%98new-york-times%E2%80%99/

http://oglobo.globo.com/economia/mat/2010/09/08/lula-compara-eua-um-elefante-que-se-borra-de-medo-de-rato-917581119.asp
Enquanto isso, o presidente dá show de educação na política externa. Grosso nojento.

‎”O
proprio tirano cubano o coma andante, reconhece que o saocialismo
FRACASSOU. Esse e’ o sistema que os petralhas querem nos IMPOR com o
PNDH-3. Agora so tem similares do IRAN e no regime do cao danado da
Coreia do Norte.”

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Lula rebaixa a cidadania :: Merval Pereira

DEU EM O GLOBO

O mais espantoso na atuação do presidente Lula no episódio das quebras múltiplas de sigilo fiscal de pessoas ligadas ao PSDB, até mesmo a filha do candidato tucano à Presidência da República, é como ele manipula seus seguidores, explorando-lhes a boa-fé e, sobretudo, a ignorância. José Serra lamentou que Lula tenha “debochado de coisa séria” quando fez análises nada republicanas sobre o episódio. Segundo o presidente, em cima de um palanque, o episódio não passa de “futrica”, e o candidato do PSDB “está nervoso” com a previsão de derrota e está usando sua família “para se fazer de vítima”.

Seriam comentários ofensivos à cidadania, partidos de um presidente que deveria ser imparcial quando o assunto são as garantias dos direitos individuais dos cidadãos, sejam eles petistas ou não, lulistas ou não.

Mas o mais grave, do ponto de vista da manipulação do eleitorado, está na frase que jogou no ar como se fosse um desafio: “Cadê esse tal de sigilo que ninguém viu?”

O presidente Lula se utiliza assim da dificuldade que o brasileiro comum tem de compreender os meandros da disputa política, muito mais quando se trata de questões técnicas ligadas a computadores e senhas eletrônicas, para tentar desmoralizar a questão, reduzindo-a a uma “futrica” de perdedor.

Se o tal do “sigilo” não apareceu, é porque não existe, quer levar a crer o nosso nada republicano presidente.

É conhecida a piada que circula entre os petistas segundo a qual Lula teria dito que essa questão de dossiê não abala seu eleitorado, pois eles não sabem o que quer dizer a palavra, e muitos a confundem com “doce”.

Há também o raciocínio segundo o qual como apenas 40 milhões de brasileiros declaram o Imposto de Renda, a imensa maioria dos eleitores não estaria preocupada com o assunto.

Para se ter uma noção do que esse raciocínio perverso embute, dos 130 milhões de eleitores, cerca de 60% são formados por analfabetos, analfabetos funcionais ou pessoas que não completaram o ensino fundamental.

Ora, a esta altura dos acontecimentos, todo cidadão de boa-fé e minimamente informado sabe que os dados colhidos em diversas instâncias da Receita Federal, em várias partes do país, estão espalhados em diversos documentos que circularam no comitê da candidata oficial Dilma Rousseff.

Não foram usados formalmente, nem nunca seriam, pois trata-se de material ilegal. Mas estão sendo espalhados há muito tempo em diversos blogs e continuam sendo usados com insinuações contra as vítimas dos atentados.

A própria candidata Dilma Rousseff, abusando da inteligência de seus interlocutores e seguindo por um caminho perigoso, insinuou em entrevista coletiva que os dados levantados sobre Verônica Serra seriam usados por membros do próprio PSDB contra Serra, que àquela altura ainda disputava com o ex-governador de Minas Aécio Neves a escolha do partido para concorrer à Presidência da República.

Os petistas engendraram uma pseudoexplicação que culpa a vítima, e Dilma se encarregou de tornar essa intriga em fato de campanha na sua entrevista.

A disputa entre Serra e Aécio seria a verdadeira origem do tal dossiê, que eles negavam existir e agora, diante das evidências, querem jogar no colo de Aécio Neves, numa mesquinha tentativa de confundir os eleitores.

Mais uma vez coube à chamada grande imprensa, para ódio dos governistas e seus blogueiros chapas-brancas, demonstrar que essa versão não se sustenta.

Tanto os acessos em Santo André quanto os de Formiga, em Minas Gerais, foram feitos por pessoas filiadas ao PT, o que deixa evidente o caráter político das quebras de sigilo.

Essa é uma prática comum ao Partido dos Trabalhadores e tem uma longa história, desde quando o partido era de oposição, mas já mantinha nos principais órgãos públicos uma grande influência graças aos sindicalistas enfronhados na máquina pública.

Na oposição os petistas usavam seu poder de quebrar sigilos e de conseguir documentos para fazer denúncias contra o governo de Fernando Henrique Cardoso.

No governo, montaram uma máquina de informações não apenas para difundir notícias falsas sobre seus adversários como para usar as informações como arma política de chantagem nas negociações de bastidores.

O cérebro desse esquema de informações paralelo e ilegal foi o ex-ministro e deputado federal cassado José Dirceu, que se vangloria até hoje dos métodos que aprendeu quando esteve exilado em Cuba.

À medida que vão se acumulando as evidências de que o PT não sabe disputar eleições dentro da normalidade democrática, acumulam-se também as provas de que o que um dirigente petista disse ontem na oposição não tem a mesma correspondência no futuro e em situações similares quando o partido está no poder.

Eleito em 2002, Lula reconheceu que o então presidente Fernando Henrique Cardoso havia se comportado como “um estadista” e que, se não fosse essa sua postura imparcial, talvez não vencesse a eleição.

Justamente o que não está fazendo hoje, quando se comporta como o chefe de uma facção política tentando fazer sua sucessora, sem se incomodar com as limitações que a legislação impõe.

Lula usa seu enorme carisma e sua popularidade, e o PT utiliza a máquina do Estado, para acobertar as ilegalidades cometidas e manipular o eleitorado.

Ele trabalha permanentemente para reduzir a cidadania a uma reivindicação elitista, neutralizando a política e dando pão e circo à sua massa de manobra.

Não vamos nos esquecer que: Popularidade não
significa absolutamente nada. Hitler tinha 82% de popularidade e acabou
controlando a imprensa, a polícia, privando a população de seus direitos
fundamentais.

2 meses depois do “comando do PT” começar a trabalhar na candidatura acontece a quebra do sigilo. DOIS MESES!!!

O analista tributário Gilberto Souza Amarante, que trabalha para Receita Federal no interior de Minas Gerais e acessou dez vez os dados fiscais do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, é filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT) desde 2001.

De acordo com os dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Amarante é um dos 276 filiados do PT que votam na cidade de Arcos, vizinha ao município mineiro de Formiga, onde o analista acessou, no dia 3 de abril de 2009, o CPF de Eduardo Jorge dez vezes em menos de um minuto.

A identificação de Amarante foi feita pelo Estado com base no número do título de eleitor e do registro no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) do analista tributário. A situação do registro de filiação de Amarante é classificada como “regular” pelo sistema do TSE. O servidor do Fisco vota na 18ª zona eleitoral, na seção 35, que fica na Casa de Cultura de Arcos.

A agência da Receita Federal responsável pela região do município de Arcos é sediada em Formiga e está subordinada à Delegacia de Divinópolis, a 124 quilômetros da capital Belo Horizonte (MG).

Eduardo Jorge, que tem domicílio fiscal no Rio de Janeiro, não tem negócios nem imóveis na cidade mineira de Formiga, o que reforça a suspeita de violação de seus dados pelo analista. Os acessos feitos a partir do computador no interior de Minas aconteceram seis meses antes do início da série de violações de sigilos fiscais de dirigentes tucanos e da filha do candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra.

Os dados fiscais de Verônica foram obtidos pelo contador Antonio Carlos Atella Ferreira, que era filiado ao PT quando usou uma procuração forjada para acessar os dados da filha do ex-governador de São Paulo. O PT afirma que o pedido de filiação de Atella não foi concluído, mas o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) confirmou o registro da filiação.

Os acessos aos dados de EJ pelo analista de Formiga foram identificados pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), que à pedido da Receita fez uma “Apuração Especial”, relacionando todas as consultas envolvendo o CPF do vice-presidente do PSDB no período entre 2 de janeiro e 19 de junho de 2009.

Todas as consultas feitas por Amarante aconteceram em questão de segundos. De acordo com o documento obtido pelo Estado, o primeiro acesso aos dados de Eduardo Jorge aconteceu às 16h32m18s. O último ocorreu às 16h32m59s. Todas as consultas foram feitas pelo mesmo usuário, a partir de um único computador.

Além de EJ e Verônica Serra, os sigilos fiscais de outros tucanos também já foram violados por servidores da Receita. No dia 8 de outubro do ano passado, os dados do economista Luiz Carlos Mendonça de Barros foram acessados, bem como os de Gregorio Marin Preciado (empresário casado com uma prima de Serra) e de Ricardo Sérgio, ex-diretor do Banco do Brasil no governo Fernando Henrique Cardoso. Estadão Online


PT e o pó

janeiro 3, 2011 às 4:35 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

O PT e o pó

sex , 23/7/2010

gmfiuza

Geral Tags: , , , ,

O PT está indignado com a acusação de que tem ligações com as Farc e o narcotráfico. A explicação é simples: o partido pensava que aquele pó branco que os companheiros colombianos vendem era açúcar.

O PT não tem nada a ver com a cocaína. Adriano Imperador e Vagner Love também não. Todos eles só gostam de passear ao lado de traficantes armados até os dentes, conversar com eles por telefone, unir forças contra os agentes do mal.

Essa doce revolução do oprimido levou, por acaso, o líder narcoguerrilheiro Raul Reyes a escrever várias cartas a Lula. Todas devidamente recebidas pelo presidente brasileiro, porque trazidas em segurança por parlamentares do PT. Não há notícia de qualquer palavra de Lula de repúdio, crítica ou mesmo desconforto com essa situação.

Ninguém jamais ouviu o presidente brasileiro esclarecer, em alto e bom som: não mantenho e não manterei diálogo com terroristas financiados pelo narcotráfico.

Não. Os companheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia são interlocutores do PT, já até tomaram assento juntos em colóquios formais, à luz do dia. Nessas ocasiões, possivelmente os bravos correligionários de Lula ainda pensavam que cocaína é açúcar.

O mais novo indignado com as acusações de ligação com as Farc é Hugo Chávez. O presidente venezuelano criou mais uma crise internacional para sua coleção, rompendo relações com a Colômbia. Ficou zangado porque disseram que há gente das Farc abrigada na Venezuela.

Deu a louca nos bolivarianos de butique. Tendo a seu lado o grande Diego Armando Maradona – que também não sabe diferenciar açúcar de cocaína –, Chávez protestou contra a afirmação de que há narcoguerrilheiros colombianos instalados em seu território. O que terá ele feito com seus hóspedes das Farc? Terá exportado a turma para algum acampamento seguro do MST?

Não está dando para entender a esquerda sul-americana. No Brasil, depois de anos e anos de flerte com os revolucionários do pó branco, o PT fica chateado com uma frase de Indio da Costa sobre a poética narcótica da relação. Esses amantes são mesmo suscetíveis.

Do jeito que as coisas vão, daqui a pouco o partido de Lula vai dizer que não conhece Dilma Rousseff. Ou que só a conhece socialmente, assim como os fuzis e o açúcar que passarinho não cheira.

http://colunas.epoca.globo.com/guilhermefiuza/2010/07/23/o-pt-e-o-po/

ISSO QUE A DILMA APÓIA, A VENEZUELA CENSURADA DO QUERIDINHO CHÁVEZ DELA.

http://oglobo.globo.com/mundo/mat/2010/08/18/apos-decisao-da-justica-jornais-venezuelanos-falam-em-censura-publicam-protestos-917423663.asp

Estima-se que o governo Lula contrate 66 pessoas por dia, sem concurso.

Em comício ao lado de Dilma, Lula critica Senado e diz que poderá criar “organismo forte” depois que deixar o poder
RECIFE (PE) – Ao discursar ao lado do governador de Pernambuco,
Eduardo Campos, candidato à reeleição, e da candidata do PT à
Presidência, Dilma Rousseff, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva
criticou, …

O governo sempre teve problemas com
votações no Senado, onde a oposição é mais forte. O Senado derrubou a
prorrogação da CPMF em 2007, uma das maiores derrotas do governo Lula.

– Não pensem que quando eu deixar o governo, vou deixar a

Penso em criar um organismo
muito forte, juntando todas essas forças que nos apoiam, para que nunca
mais a gente possa permitir que um presidente sofra o que eu sofri com
um Senado que quase derrubou um presidente da República – disse Lula.

GENTE
O QUE É ISSO??? O QUE É UM ORGANISMO FORTE? ESSE LULLLLA ESTÁ AMEAÇANDO
A DEMOCRACIA MESMO!!!

GRAÇAS À OPOSIÇÃO NO SENADO QUE A PRORROGAÇÃO DA

PARA SENADOR, PELA MANUTENÇÃO DA DEMOCRACIA NO PAÍS, VOTEM NA ****oposição******

Em comício ao lado de Dilma, Lula critica Senado e diz que poderá criar “organismo forte” depois que deixar o poder

Publicada em 28/08/2010 às 00h43m

Maria Lima

  • R1
  • R2
  • R3
  • R4
  • R5
  • Média: 0,0

RECIFE (PE) – Ao discursar ao lado do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, candidato à reeleição, e da candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou, na noite desta sexta-feira, o Senado, afirmando que “sofreu” na convivência com essa Casa. O governo sempre teve problemas com votações no Senado, onde a oposição é mais forte. O Senado derrubou a prorrogação da CPMF em 2007, uma das maiores derrotas do governo Lula.

– Não pensem que quando eu deixar o governo, vou deixar a política. Vocês vão me ver andando por esse país. Vou continuar construindo a nossa organização política. Penso em criar um organismo muito forte, juntando todas essas forças que nos apoiam, para que nunca mais a gente possa permitir que um presidente sofra o que eu sofri com um Senado que quase derrubou um presidente da República – disse Lula.

Ao defender a eleição dos candidatos aliados ao Senado, Humberto Costa (PT) e Armando Monteiro (PTB), o presidente Lula criticou duramente o senador Marco Maciel (DEM), que concorre a mais um mandato:

– Parece que aquele lá, que parece que já é senador desde a época, já foi vice-presidente da República, e me digam o que ele fez, o que ele trouxe para Pernambuco?

Ele anunciou que só retornará a Recife no dia três de outubro para comemorar a vitória da Dilma. O presidente fez críticas ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e disse que sempre foi vítima de preconceito.

Já a candidata Dilma Rousseff fez um discurso que não empolgou os eleitores e ainda cometeu uma gafe, chamando o petista Humberto Costa de “Humberto Campos”, numa confusão com o nome do governador Eduardo Campos.

A Igreja Universal é o PT da religião.

Acordo assinado por Lula e 2001, prometendo solidariedade integral às FARC, e depois cumpriram isso lutando pela libertação dos caras da FARC, recusando-se a reconhecer as FARC como organização terrorista.

” Lula é sócio do narcotráfico.”

Falsificarem assinatura da filha do Serra, quebrar o sigilo fiscal dela (créu, ela é ficha limpa)…imagina o que fazem quando estão no poder, sem todos os olhos voltados para si. FORA PT. DILMA BANDIDA NÃO.

Planalto tenta ‘blindar’ Dilma no escândalo; repercussão preocupa petistas

Publicada em 01/09/2010 às 23h34m

Gerson Camarotti

  • R1
  • R2
  • R3
  • R4
  • R5
  • Média: 4,0

BRASÍLIA – O Palácio do Planalto deflagrou nesta quarta-feira uma operação para evitar que a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, sofra desgastes com o episódio envolvendo a quebra do sigilo fiscal de Verônica Serra , filha do candidato tucano, José Serra. Diante dessa orientação, a coordenação de campanha isolou Dilma, para evitar que ela seja contaminada por essa agenda negativa. ( Assista a análise da estratégia do PT para ‘blindar’ Dilma )

A decisão foi tomada após a entrevista de Serra na madrugada desta quarta-feira ao “Jornal da Globo” , da TV Globo, em que ele acusou a campanha petista de recorrer à mesma tática usada pelo ex-presidente Fernando Collor, em 1989, que usou o depoimento de Miriam Cordeiro, uma ex-namorada do candidato Luiz Inácio Lula da Silva. Na ocasião, Miriam acusou Lula de lhe pedir que abortasse. Dilma, porém, já tinha uma entrevistada agenda para esta quarta-feira à noite no SBT, onde teve de falar no caso.

De forma reservada, integrantes da campanha e do governo demonstraram preocupação com a repercussão política do episódio. Mas a avaliação é que o impacto será restrito. Para um ministro petista, se todas as denúncias tivessem surgido agora, de uma única vez, haveria um estrago eleitoral considerável na campanha. Mas, como todas as acusações saíram em doses homeopáticas nos últimos meses, o assunto teria sido assimilado pela população como um episódio de disputa política. Em 1º de junho, O GLOBO revelou que Verônica era o principal alvo de um suposto dossiê da campanha petista . Nesta quarta-feira, os petistas monitoravam com pesquisas telefônicas e qualitativas a repercussão das denúncias.

Entenda o caso do suposto dossiê Leia mais: Lula diz que confia na apuração da Receita Federal Noblat analisa quebra de sigilo da Receita

” Agora a Dilma tem que dar explicações sobre a falsificação da assinatura da filha de Serra? “


Seguindo a orientação traçada pelo Planalto, Dilma foi monotemática ao conceder entrevista nesta quarta-feira após se encontrar com o presidente de Colômbia, Juan Manuel Santos. Sob o argumento de que os jornalistas colombianos teriam outros compromissos, a assessoria da candidata interrompeu a entrevista quando seria mudado o tema.

– Não tem por que a Dilma ficar comentando o episódio. Nós processamos todos que tentaram vincular o PT e Dilma a esse assunto. A Dilma não vai ficar falando sobre isso. Agora a Dilma tem que dar explicações sobre a falsificação da assinatura da filha de Serra? Não temos nada a ver com isso. Nós só discutimos esse assunto com Serra nas barras dos tribunais – disse o presidente do PT, José Eduardo Dutra.

A hora para lutar contra o TOTALITARISMO é agora. Depois que ele se instala, é MUITO MAIS DIFÍCIL. Vejam os exemplos de Chávez, Morales, e outros COMPANHEIROS espalhados pelo mundo.

E
o Brasil criou embaixadas (i) no afeganistao, (ii) na republica do
belarus, (iii) na bosnia e herzegovina e (iv) na estonia. pra que
mesmo??? (refacebookeando Andrea)

Nossa caminhada é difícil, mas Deus só dá a missão a quem pode realizá-la. Por
isso nossa caminhada é também suave, já que, nela, podemos ser nós
mesmos, sem precisar mentir, esconder, conspirar. Vamos em frente, pela
democracia, pela justiça, pela liberdade, pela igualdade, em defesa do
Brasil livre e democrático que …

“É, mas nesse momento, prefiro andar para trás com o PSDB (que não é lá essas coisas) do que perder meus direitos civis.” ESSE É O PENSAMENTO!

Como confiar em um Governo que ja QUEBRA o Sigilo Fiscal e Bancario
ANTES mesmo das eleicoes. Como confiar em urnas eletronicas com essa
gente??

É controle do Estado e do Legislativo!

DiLLma unida a CoLLor (!), Dirceu (acusado pelo MP como CHEFE DE QUADRILHA), Sarney (ela apoiou que ele não saísse da presidência do Senado meio a n ilegalidades), Lindberg, e Cabral (que xinga morador de comunidade para quem havia prometido laptop), mais um monte de piLLantra…

O acusado de participar do esquema de vazamento de dados sigilosos da Receita Federal, foi filiado ao PT paulista de 2003 a novembro de 2009. O TRE confirmou a filiação partidária e informou que Atella teve seu registro cancelado em nov do ano passado, quase 2 meses depois de ter ingressado com uma procuração supostame…

Não
podemos esquecer que graças à oposição no Senado que a CPMF não foi
prorrogada por mais 4 anos. Imagina se o LuLLA tivesse a maioria no
Senado quantas mais barbaridades teriam passado.

04-09-2010

Olha que legal! O $ dos impostos que VOCÊ PAGA, do PAC, financiando a campanha da DiLLLma!!!

http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/09/04/ministro-assessores-usam-pac-conselhao-para-viajar-ajudar-dilma-917560870.asp#coment

Nas asas do Planalto

Ministro e assessores usam PAC e conselhão para viajar e ajudar Dilma

Publicada em 04/09/2010 às 17h42m

  • R1
  • R2
  • R3
  • R4
  • R5
  • Média: 3,5

BRASÍLIA – Instalada no quarto andar do Palácio do Planalto, uma máquina trabalha a todo o vapor pela candidata do governo, Dilma Rousseff (PT). A rede montada na Secretaria de Relações Institucionais (SRI) da Presidência da República, comandada pelo ministro Alexandre Padilha, utiliza duas agendas: do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), que dão suporte e aparente legalidade às viagens de petistas que percorrem o país angariando votos nos estados junto a prefeitos, empresários e outros segmentos da sociedade, com diárias pagas pelos cofres públicos. É o que mostra reportagem de Fábio Fabrini e Regina Alvarez na edição deste domingo do GLOBO. ( Você conhece algum candidato que usa a máquina pública para se beneficiar nas eleições? Denuncie ).

Segundo a reportagem, o ritmo de viagens é frenético. Somadas, chegam a 44 as andanças do ministro Alexandre Padilha e de dois dos seus principais assessores entre o fim de maio e agosto. Como justificativa oficial, as reuniões do Conselhão (CDES) nos estados, que começaram a ser feitas em maio para discutir com empresários uma “Agenda para o Novo Ciclo de Desenvolvimento”. E encontros com prefeitos para discutir projetos do PAC-2, a ser implementado no próximo governo, além de visitas às obras do PAC.

De acordo com a reportagem, por si só, essas agendas, que servem para divulgar realizações e avanços do governo Lula, têm implícitas um viés político, já que acontecem no auge da campanha eleitoral. Mas, além disso, compromissos oficiais nos estados coincidem com eventos de campanha da candidata Dilma ou de aliados do PT.

Leia também: Padilha diz que coincidência de viagens é ‘uma exceção’

As viagens, as articulações e os atos da campanha estão registrados no Twitter. Padilha, tuiteiro compulsivo, escreveu no dia 15 de julho, quando estava em Curitiba (PR) para uma reunião do CDES e visitas a obras do PAC: “…Recebi a visita, aqui no Hotel Slaviero, do nosso cand a $do PR Osmar Dias, do nosso vice Rocha Loures e nossa futura senadora Gleisi” (mulher do ministro do Planejamento Paulo Bernardo). Padilha recebeu R$ 780 nessa viagem, equivalente a uma diária e meia, segundo a assessoria.

Mais

janeiro 3, 2011 às 4:14 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

09/07/2010

às 16:09

DILMA AGORA DIZ QUE RUBRICA NÃO É ASSINATURA. ENTÃO TÁ…

Quando veio à luz a estrovenga que o PT havia entregado ao TSE, os petistas correram para dizer que se tratava de um engano: tinham entregado o documento errado ao tribunal. Longas sete horas depois, conseguiram apresentar um outro. Aí este blog lembrou o óbvio: o documento tinha sido rubricado pela candidata. Nova atrapalhação. O que dizer? Ah, tinha sido um engano. Tudo sem querer. A desculpa era tão ridícula que era preciso apresentar outra. E Dilma o fez hoje: segundo a candidata, rubrica não é assinatura. Ah, bom! Leiam a sua fala, reproduzida na Folha Online:

“Não assinei documento nenhum porque não tem documento nenhum a ser assinado. Eu rubriquei páginas. Eu não olhei porque achei que era aquele programa não achei que iam colocar outro programa. Tinha que colocar o que nós tínhamos acertado em junho [com os partidos aliados].”

Certo! Dilma acaba de desmoralizar a rubrica para tentar não se desmoralizar. E tentou atacar, segundo dá para entender, o tucano José Serra, embora eu não tenha compreendido a gramática do negócio. Leiam:

“Os meus adversários, principalmente o adversário, eles sistematicamente erram. Fizeram coisas assim que… Por exemplo… Eu não vou dar exemplo porque não é da minha responsabilidade falar sobre ele.”

Então tá.

08/07/2010

às 22:35

DILMA E A LIBERDADE DE IMPRENSA NA CHARGE DE NANI

No caso da charge do post anterior, é preciso entender por que o PT está furioso: seria por causa da crítica ao fato de que o partido vai fazendo programa ao gosto do freguês ou por causa da metáfora, num surto de moralismo que nem fica bem aos companheiros? O Ministério do Trabalho catalogou tal função como profissão, com código na burocracia e tudo. Se for pelo segundo motivo, então não tem por que estrilar com esta outra, que é, com efeito, genial. Entrei no site do artista. Há charges ali em que ele, nitidamente, assume um ponto de vista que não é o meu. Mas eu convivo bem com a diferença e acho que a função do chargista é mesmo desconstruir discursos arranjados. Humor não pode ter agenda, não tem de se subordinar a partido ou ideologia, não pode ser assassinado pelo politicamente correto. É por isso que charge a favor, ou que apela à educação moral e cívica, costuma ser coisa muito chata. E é por isso também que não existem chargistas de respeito nas ditaduras. Se é para concordar, convenham, ninguém precisa… desenhar! Basta uma palavrinha: “Sim”.

dilma-controle-da-imprensa

 

O site de Nani está aqui.

05/07/2010

às 16:20

PROGRAMA DE DILMA ROUSSEFF INCLUI PRINCÍPIO QUE, NA PRÁTICA, EXTINGUE A PROPRIEDADE PRIVADA NO CAMPO E NA CIDADE E CASSA PRERROGATIVA DA JUSTIÇA

O item “m” da proposta nº 19 do Programa de governo de Dilma Rousseff extingue a propriedade privada da terra. Leiam abaixo. Volto em seguida:
“continuar, intensificar e aprimorar a reforma agrária de modo a dar centralidade ao programa na estratégia de desenvolvimento sustentável do país, com a garantia do cumprimento integral da função social da propriedade, da atualização dos índices de produtividade, do controle do acesso à terra por estrangeiros, da revogação dos atos do governo FHC que criminalizaram os movimentos sociais e com a eliminação dos juros compensatórios nas desapropriações e das políticas complementares de acesso à terra, entre outras medidas, implementação de medida prevista no PNDH~3, de realização de audiência pública previa ao julgamento de liminar de reintegração de posse;”

Traduzo
Não custa lembrar que a proposta contida no Programa Nacional Socialista de Direitos Humanos transforma o invasor em parte na negociação — e isso vale tanto para as propriedades rurais como para as urbanas.

A questão é mais ampla do que parece porque mexe também com o Judiciário. Dilma está dizendo que, se eleita, vai lutar para tirar dos juízes a prerrogativa de conceder uma liminar de reintegração de posse — o que corresponde, assim, a uma “reforminha” do Judiciário.

Como se nota, os que foram derrotados naquela jornada do Programa Nacional Socialista dos Direitos Humanos não se conformaram e conseguiram meter a diretriz no programa de governo de Dilma. Bem, não custa lembrar que ela própria era a titular da pasta quando a Casa Civil deu forma final àquele decreto. Não adianta! Eles não aprendem nada nem esquecem nada!

Por Reinaldo Azevedo

“NO
FUTEBOL, O BRASIL FICOU ENTRE
OS 8 MELHORES DO MUNDO
E TODOS ESTÃO TRISTES.
NA EDUCAÇÃO É O 85º E NINGUÉM FALA NADA, COMPARTILHA TRISTEZA OU SE MOBILIZA PARA MUDAR”

Seu
filho como funcionário, um ano atrás do Zoológico,ganhando
seiscentos (600) reais por mês, e hoje tem um merozinhopatrimônio de
mais de 5,2 milhões de reais. Qué qué…isso
Presidente? FORA CORJA DO PT!!!!

Por que, nos primeiros meses, os governos do G8 destinaram cerca de US$
1,5 trilhão (até hoje, já são US$ 18 trilhões) para evitar o colapso do
sistema financeiro capitalista e apenas (prometeram em L’Aquila, ainda
não cumpriram) US$ 20 bilhões para amenizar a fome no mundo?

DEBATE HOJE. Se alguém aí assiste Big Brother e PAGA para votar, por amor à sociedade, assista aos debates para votar com um pouco mais de consciência.

Se a Dilma acha q o passado não pode ser esquecido, pq ela não esclarece o dela? Pq não conta os ataques a bomba, o roubo do cofre do governador, a relação com o MST e as FARC? Vixi eu nem sabia que a monstra tinha tirado $ dos excepcionais, da APAE. Muito má.

06/08/2010

às 0:45

Debate 8 – Band dá uma mãozinha para Dilma

Tenho o debate aqui gravado. A Band decidiu, sei lá por quê, reapresentar na íntegra a resposta de cada candidato à primeira pergunta. E deu uma mãozinha para Dilma. Quem assistiu ao debate e o gravou, como fiz, sabe que Dilma teve um “apagão” inicial. Demorou para começar a responder, procurando suas anotações. Sua hesitação rendeu muito no Twitter, por exemplo. Pois bem: ao levar ao ar a íntegra das respostas, a Band cortou esse momento, o que é injustificável. Afinal, aquele era o tempo dela, com suas qualidades e defeitos.

Por Reinaldo Azevedo

Cabral prometeu laptop a menino, que até agora não ganhou. Menino vai atrás de Lula e Cabral filmando fatos com uma câmera digital. Fatos do 1o vídeo:
1- O menino reclama para Lula e Sérgio Cabral que a piscina do Complexo Esportivo não funciona nos finais de semana, o Lula fica muito nervoso, e dá um esporro no Sérgio …

Clã dos Marinho

A reunião da hipocrisia! FOTOS DO SARAU NA CASA DA LILY MARINHO, EM APOIO A CANDIDATA DILMA.
Os Marinhos, quem diria…
Repassem para petistas que criticavam a Rede Globo, satãnizavam etc…

 

Posts do fb, registrando aqui. Ordem crescente. De julho 2010 a Janeiro 2011.

janeiro 3, 2011 às 4:06 pm | Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/6387

A DILMAcabra está crescendo nas pesquisas. A nossa omissão, falta de saco para política, de dedicar tempo a ir mais a fundo no entendimento de certas questões, é nociva para sociedade. Faltam menos de 3 meses para as eleições. Ainda há tempo.

Venho sempre dizendo que a LIBERDADE DE IMPRESA NO BRASIL É AMEAÇADA PELO PT. No blog texto curto e claro sobre a nova incursão.
DILMA NÃO, PELA NÃO VENEZUELIZAÇÃO DO BRASIL.
VIVA A LIBERDADE DE IMPRENSA.

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/o-pt-volta-a-ameacar-os-meios-de-comunicacao-ou-ainda-quem-tem-medo-de-dilma-rousseff-ou-ainda-o-casamento-do-mr-8-com-a-var-palmares/

04/07/2010

às 7:35

O PT VOLTA A AMEAÇAR OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO. OU AINDA: QUEM TEM MEDO DE DILMA ROUSSEFF? OU AINDA: O CASAMENTO DO MR-8 COM A VAR-PALMARES

Em dezembro do ano passado, Franklin Martins (ex-MR-8) comandou a Confecom, a tal Conferência de Comunicação, que aprovou nada menos de 633 propostas para regular os meios de comunicação no Brasil. O calhamaço, apresentado por entidades da sociedade civil — que, na maioria das vezes, são franjas do PT, muitas delas com descarado financiamento público —, prega o chamado “controle social da mídia”. Essa expressão é só o norte moral da tigrada. Na prática, pretende-se subordinar a comunicação — leia-se: a imprensa — aos interesses ideológicos da companheirada. Quando a trolha toda foi aprovada, a turma que gosta de fazer o jogo dos contentes para não ter de enfrentar o monstrengo autoritário fingiu tranqüilidade: “Ah, a conferência é só um conjunto de propostas”.

Pois bem: ficamos sabendo ontem que o governo decidiu dar encaminhamento prático àquelas “sugestões”. Anunciou que vai transformá-las em projetos de lei e encaminhá-las ao Congresso. O normal seria que a discussão só fosse retomada no novo governo, seja ele qual for. MAS NÃO! O lulismo está lembrando aos interessados que dispõe daquele “norte moral”. E anuncia que pode partir para a briga. Está chamando a atenção para o fato de que, num eventual governo Dilma (ex-VAR-Palmares), aquilo tudo pode ter conseqüências práticas. O petismo vai se dedicar mais ou se dedicar menos ao “controle social da mídia” a depender do “bom comportamento” dessa mídia na cobertura das eleições.

Trata-se de um misto de ameaça e chantagem mesmo, sem disfarce. É evidente que Dilma é uma candidata competitiva e que pode vencer as eleições. Tal possibilidade, que não é pequena, está sendo trazida a valor presente: “Se vocês se comportarem direitinho, podemos deixar de lado certas coisas; caso não se comportem e se a gente ganhar, bem, ai haverá troco”. O silêncio ou não da “mídia” diante da nova investida é que vai revelar se ela decidiu comprar a briga da causa democrática ou se, na pratica, deixou-se mesmo intimidar.

Lembro que o PT inventou o mito de que existiria uma conspiração na imprensa contra o partido, embora não seja difícil provar que isso é não apenas falso como constitui o avesso da verdade. Na prática, os valores e a visão de mundo do partido são dominantes nos grandes meios de comunicação, com raras exceções. Costumo dizer que a patrulha esquerdopata dá plantão até no Telecurso Segundo Grau…

Abaixo, lembro algumas das “diretrizes” da Confecom, que o governo anuncia querer transformar, agora, em leis. Volto sem seguida:

– Criação do Conselho Federal de Jornalismo para fiscalizar as atividades de jornalistas e meios de comunicação;
– Criação do Observatório Nacional de Mídia e Direitos Humanos, para coibir supostos desrespeito a movimentos sociais, comunidades como quilombolas, gays, deficientes, crianças e idosos;
– Criar mecanismos de fiscalização para punir rádios e TVs que veiculem conteúdos depreciativos contra minorias. Não há indicações de como isso seria feito;
– Criação de uma nova Lei de Imprensa – que foi derrubada pelo STF recentemente – que garanta direito de resposta e assegure a pluralidade de versões em reportagens controversas;
– Criação de cotas para programas educacionais, culturais e informativos em TVs abertas e por assinatura;
– Criação de cotas para canais e programas nacionais em TV por assinatura. Pelo menos 50% dos canais de qualquer pacote teriam que ser nacionais;
– Restrições a propriedade de veículos de comunicação por uma mesma pessoa, a chamada propriedade cruzada;
– Limitar a formação de redes nacionais por emissoras de TV. Uma empresa, líder de uma rede, não pode controlar mais de 10% das afiliadas;
– Redução do limite do capital externo de 30% para 10% em empresas de comunicação;
– Fiscalização com controle social do financiamento, das obrigações fiscais e trabalhistas das empresas de comunicação. Grupos sociais poderiam ter acesso as contas das empresas de comunicação;
– Criar empresa pública para incentivar a distribuição de filmes e vídeos, uma nova Embrafilme;
– Proibir a venda ou o aluguel de espaços na grade da programação de emissoras de rádio e TV. A idéia é evitar que empresas detentoras de concessões busquem lucros apenas com o comércio das próprias licenças;
– Criar o Fundo Nacional e vários fundos estaduais de comunicação pública com recursos do Fundo de Fiscalização das Empresas de Telecomunicações;
– Criar política de massificação de TVs por assinatura e de universalização da banda larga para facilitar o uso da internet em todo o país, principalmente nas regiões distantes dos grandes centros;
– Distribuição equânime das concessões de canais de TV por assinatura entre iniciativa privada, sociedade civil e poder público;
– Criação do Código de Ética do Jornalismo para regular a prática do jornalismo;
– Volta da obrigatoriedade do diploma para o exercício da profissão de jornalista.

Voltei
Sob a aparência da “democratização” e do “controle social”, temos um conjunto de propostas que tem um claro sentido dirigista. É óbvio que os petistas sabem que não têm como emplacar agora nenhuma dessas medidas. Mas ameaçam fazê-lo depois, caso Dilma seja eleita. E qual é o preço para que não façam? O bom comportamento.

Eis o método petista de fazer as coisas. O partido aprendeu, especialmente na crise do mensalão, que um bom modo de tratar a imprensa é aos tapas e pontapés. Aprendeu que a intimidação, infelizmente, funciona. Até quando? Se a “mídia” não denuncia a pressão, é hora de a oposição fazê-lo. Não em defesa da “mídia”, mas da democracia.

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/dilma-se-nega-a-dizer-ao-%E2%80%9Cglobo%E2%80%9D-por-que-quer-ser-presidente-resposta-a-dilma-que-existe-nao-e-candidata-e-a-que-e-candidata-nao-existe/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+ReinaldoAzevedo+%28Reinaldo+Azevedo%29&utm_content=Google+Reader

05/07/2010

às 5:21

DILMA SE NEGA A DIZER AO “GLOBO” POR QUE QUER SER PRESIDENTE. RESPOSTA: A DILMA QUE EXISTE NÃO É CANDIDATA, E A QUE É CANDIDATA NÃO EXISTE

Vejam esta página do jornal O Globo deste domingo. Volto em seguida.

pagina-do-globo-pergunta2

O jornal convidou os três principais presidenciáveis a responder uma pergunta muito difícil, de caráter realmente transcendental: “Por que quero ser presidente Do Brasil?” A questão era lançada assim mesmo, na primeira pessoa, como se o presidenciável estivesse diante do espelho e se entregasse a uma reflexão a um só tempo política e existencial. Todos nós, creio, já nos deparamos com aquele “outro” refletido e nos indagamos sobre nossas escolhas, anseios, projetos futuros.

O tucano José Serra (aqui) e a verde Marina Silva (aqui) aceitaram o desafio. Vê-se ali uma grande interrogação onde deveria estar a resposta da petista Dilma Rousseff. O Globo informa:
“Desde o dia 10 de junho, a campanha da candidata Dilma Rousseff foi procurada para que ela respondesse a apenas uma pergunta. O convite foi reiterado diversas vezes desde então, mas ela se recusou a responder à pergunta, que seria apenas: ‘Por que quero ser presidente do Brasil?’”

Qual a dificuldade, afinal de contas, de responder a uma indagação tão simples quando se tem um exército de assessores? Eis o busílis: a proposta do Globo era que o candidato gravasse uma resposta de cinco minutos, sem a interferência de aspones e profissionais de mídia. Como diria a senadora Kátia Abreu (DEM-TO), presidente da CNA, também o jornal queria “a resposta dos candidatos, não dos marqueteiros”. E aí Dilma pulou fora. Serra e Marina aceitaram gravar a resposta, e o jornal publicou uma síntese do que disseram.

É constrangedor saber que a candidata petista, empatada tecnicamente com o adversário tucano, apontada por boa parte da imprensa como favorita, tenha se recusado a responder.

Dilma tem evitado as sabatinas para as quais é convidada. Compreende-se o motivo: num formato com perguntas realmente livres, ela não controla o interlocutor e pode se deparar com indagações consideradas incômodas. Como ela está em construção, o PT não quer atrapalhar o trabalho dos engenheiros de gente. Mas o que há de arriscado numa pergunta fechada, de conteúdo previamente conhecido? Por que Dilma não aceitou gravar uma resposta de cinco minutos?

Dois fatores concorrem, parece-me, para que aquele ponto de interrogação tenha ido parar no centro da página. Um deles é a arrogância de sempre. Os petistas acham que não precisam “dar explicações à imprensa”, como se aquela indagação fosse parte de algum desafio, de alguma disputa. E é evidente que isso é bobagem. A imprensa só é um dos canais de comunicação que o candidato tem com a opinião pública. Mas o PT sabidamente não gosta desse negócio de “mídia livre”. Escrevi ontem sobre a nova investida do partido para controlar os meios de comunicação — vejam lá.

O outro fator está relacionado à complexa simplicidade da pergunta, a seu apelo, como digo lá no alto, existencial. Ela remete à questão da IDENTIDADE. A petista não tem como responder porque A DILMA QUE DISPUTA A ELEIÇÃO NÃO EXISTE, E A DILMA QUE EXISTE NÃO DISPUTA A ELEIÇÃO. Ou por outra: a candidata apresentada ao eleitor é uma construção da marquetagem. Foi preciso que ela deixasse de ser quem era para assumir, como já declarou Lula, o lugar de um “outro”. Ela já não sabe quem é. Por isso mesmo, não tem como enfrentar desafio tão simples. Sua resposta poderia se resumir a oito palavras: “Quero ser presidente da República porque Lula decidiu”. E isso encerraria toda a sua dramática verdade.

Goste-se ou não do que pensam e dizem, Serra e Marina são quem são. Não precisam se esconder. No dia 20 de abril, por exemplo, em entrevista a uma rádio de Pernambuco, estado que tem o MST mais violento do país, Dilma afirmou que jamais usaria um boné do MST porque governo não se confunde com “movimento social”. Em outra entrevista, aí a uma rádio de Uberlândia, no dia 23 do mês passado, criticou as ilegalidades do MST e afirmou que, num eventual governo seu, elas não seriam toleradas. No dia seguinte, foi ao Sergipe e discursou com o boné do MST na cabeça. No dia 25, encontrou-se com mulheres da alta sociedade paulistana na casa do empresário Abílio Diniz e reiterou seu amor pela lei e pela ordem. Quantas caras tem Dilma? Todas as que o mercado de votos pedir. E isso significa não ter nenhuma. Por isso mesmo, é incapaz de responder: “Por que eu quero ser presidente do Brasil?” Cinco minutos viram uma eternidade!

Agora vejam esta imagem:

estadao-receita-de-doce

Acima, vocês vêem uma página do Estadão de 1968, submetida à censura prévia. Onde deveria estar uma notícia, entrou receita de doces. Era um jeito que o jornal tinha de informar a seus leitores que fora censurado. O ponto de interrogação no espaço reservado a Dilma, no Globo, é a receita de doce dos tempos modernos. Felizmente, e contra a vontade dos petistas — leia, reitero, texto de ontem sobre nova investida contra a “mídia” —, a imprensa é livre no Brasil. Livre para informar, inclusive, o que pensa Dilma. Uma liberdade que, como se nota, ela considera dispensável à sua causa. Curiosamente, ela recusa uma resposta simples ao jornal O Globo, menina dos olhos de Roberto Marinho, mas aceita o convite para jantar de Lily Marinho, viúva do lendário jornalista e  empresário. Dilma parece se sentir mais à vontade para dizer o que pensa em círculos fechados. Por alguma razão, o debate público não lhe interessa.
*

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.